Navegador sem suporte a javascript JavaScript!
Município de Vieira do Minho

Inauguração das exposições

“O labirinto da Alice” e “A arte e a natureza”

2013-03-05
Inauguração das exposições
A Câmara Municipal de Vieira do Minho inaugurou, no passado dia 2 de março, pelas 15h00, na Casa Museu Adelino Ângelo, mais duas novas exposições.

Este espaço cultural continua a apostar na diversificação das exposições e na sua qualidade. Neste sentido, na galeria II foi inaugurada a exposição/instalação “O labirinto da Alice” do pintor Pedro Migueis e do fotografo Fernando Gonçalves.
Pedro Migueis e Fernando Gonçalves idealizaram e recriaram um trabalho conjunto de formação instalativo, uma exploração estética e conceptual não formal, suportada nos visionamentos pictural e fotográfico, em antagonismo e/ou complementaridade desta abordagem ao estimulante desafio estimulante desfio inspirativo das historias de Alice no Pais das Maravilhas.

Tal como Lewis Carroll nos propõe uma viagem fantástica e onírica de permanente non sense de happennings, também os autores convidam os visitantes a acompanhá-los no labiríntico mundo de Alice.

Noutro espaço de exposição foi inaugurada a exposição de fotografia “A arte e a natureza” de António Pereira.

António José Soares Pereira
nasceu na Ventosa, Vieira do Minho, em 1948, reside na cidade de Braga, fez o ensino primário, no antigo posto misto escolar de Quintã, na Ventosa, o ensino preparatório na Escola Roque Gameiro da Amadora, no tempo em que prestou o seu serviço militar obrigatório na Academia Militar da mesma localidade e o ensino secundário na Escola de Artes Soares dos Reis na Cidade do Porto, na área de fotografia.

Começou a fazer fotografia por necessidade própria para a sua atividade de turismo, para com calma, tempo espaço e ângulos apropriados, poder fazer a melhor imagem, para que o que se pretende tratar não fique prejudicado, relativamente à realidade que está nesse sítio ou local, tentando desta forma que a imagem seja o mais real e verdadeira possível.

A fotografia leva-nos ao “tempo” ao “Espaço”, não o destrói, destaca-o, prende o nosso olhar, da-lhe vida, dá-lhe sonho e imortaliza-o.

A fotografia é um tesouro que fica guardado no cofre mais rico do mundo.

A fotografia, faz leituras, sem estar nada lá escrito, com a beleza de cada um poder fazer, a sua.

O momento de inauguração foi abrilhantado pelo duo de flautas, Filipa Gonçalves e Liliana Gonçalves, da Academia de Música Valentim Moreira de Sá. Também contou com a presença da Srª Vereadora da Educação, Aurora Marques, que agradeceu a presença de todos e congratulou os artistas pelo excelente trabalho apresentado.

A Casa Museu Adelino Ângelo convida, todos os interessados, a visitarem estas exposições, pois sem duvida que ficarão impressionados!!

Adicionar comentário

Comentário
Nome
Email
Insira as letras na caixa
VIEIRA DO MINHO TURISMO
Vieira do Minho-Negócios
Património Arquitetónico e Arqueológico
Agenda Cultural
Queixas / Sugestões
Universidade Sénior
Consulta número de eleitor
A Minha Rua
Protecção Civil